.

.
.

.

.

.

.

Pão e água...

Com o título acima no Farol do Tapajós:


Há exatos 4 dias o quartel da Polícia Militar em Santarém (3º BPM) não tem servido alimentação para seus militares. Tudo por conta do não pagamento do fornecedor local por parte do Governo do Estado. Os soldados estão sendo liberados ao meio-dia para fazer suas refeições em suas casas.

Efetivo - Estão sendo enviados para Oriximiná 35 novos policiais militares, o que convenhamos é um número desproporcional, visto o tamanho do município. Santarém por sua vez fica cada vez com menos policiais e nas ruas ainda não foi sentido a presença dos novos soldados, está na hora do Cel. Campos rever essa equação!!!

Comentários