.

.
.

Jatene vai reestruturar máquina administrativa


Governador eleito Simão Jatene
Foto: Alailson Muniz

O governador eleito Simão Jatene esteve nesta sexta-feira, 10, pela manhã, no Ministério Público Federal para uma visita de cortesia ao procurador-chefe Ubiratan Cazetta. Na saída, conversou com jornalistas e afirmou que deve fazer o anúncio oficial dos primeiros nomes do seu secretariado no começo da próxima semana. Jatene vai aproveitar o final de semana para continuar o trabalho de revisão da estrutura do Estado. O governador eleito disse também que tem se concentrado na análise do orçamento para 2011 e no acompanhamento do processo de transição.

De acordo com o governador eleito deve haver mudança na estrutura de algumas secretarias e, por isso, a demora no anúncio dos nomes. “Estamos vendo a experiência de outros estados, como Minas Gerais, e definindo a estrutura do Estado, mas na próxima semana devo anunciar os primeiros secretários”, afirmou Jatene.

O governador eleito mostrou-se, mais uma vez, preocupado com as distorções presentes no orçamento de 2011. “Não se pode basear o orçamento de um Estado em transferências federais. Um bom gestor não pode fundamentar seu orçamento em recursos que estão fora da sua governabilidade. Além disso, se formos comparar o orçamento previsto e o realizado de 2010 veremos que o que foi realizado em muitos órgãos foi superior a previsão, o que significa dizer que se o orçamento de custeio, por exemplo, já foi baixo este ano, no próximo ano estava menor ainda”, afirmou Jatene.

De acordo com Jatene, a parte mais difícil, a abertura de rubricas para investimentos em áreas chave do Estado como a segurança, já foi costurada com o apoio dos deputados. “No nosso primeiro ano vamos trabalhar para a elevação da receita própria e para racionalizar os gastos com custeio”, acrescentou.

Jatene fez questão ainda de ressaltar que dará continuidade aos programas e projetos implantados pelo atual governo e que são bem sucedidos. “Não existe isso de paralisarmos programas sociais. Quem tem que se explicar em relação a esse orçamento é o atual governo. Eles sabem o que fizeram no verão passado”, afirmou o governador eleito.

Visita

Jatene considerou muito produtiva a visita ao Ministério Público Federal. Foram mais de três horas de reunião com os procuradores de diferentes áreas. “Esse encontro serviu criar as bases para a construção do grande pacto entre as diferentes forças da sociedade que deverá marcar o nosso governo. A conversa com os procuradores abriu caminhos interessantes para a construção dessa aliança”, disse Simão Jatene.


Fonte: Ascom/Simão Jatene

Comentários

.

.