.

.
.

.

.

.

.

PM transporta munição sem escolta

No blog do jornalista Jeso Carneiro:

Numa operação de alto risco, contrária a qualquer norma de segurança, um veículo da PM (Polícia Militar) cruzou as BR’s 230 (Transamazônica) e 163 (Santarém-Cuiabá), há poucos dias, abarrotado de munição, inclusive para pistolas e submetralhadoras, destinado ao treinamento de militares em Santarém.

À frente da operação, o recém-empossado comandante do CPR-1 (Comando de Policiamento Regional), tenente-coronel Godinho (foto).

Ele e apenas mais dois PMs foram a Belém, onde apanharam a carga, e a trouxeram a Santarém sem qualquer tipo de escolta. Bem diferente da praxe neste tipo de transporte.
O blog apurou que Godinho e dois soldados inexperientes, um deles formado no ano passado, deixaram Santarém a bordo de uma Hilux (placa JTG-2769) na sexta-feira (10) no final da tarde. A viagem no trecho Santarém-Belém-Santarém durou quatro dias.

Na terça-feira (14), no final da tarde, os três PMs chegaram com o veículo carregado de munição, para armas de diversos calibres (38, 40, pistola e submetralhadora Galil).

Munição a ser usada na instrução de tiros por alunos do curso de formação de sargentos que se realiza na PM em Santarém.

 
 
Leia Mais Aqui

Comentários