.

.
.

Mototáxi pode ser extinto


A briga agora é na instância federal. E quem comprou foi Procurador Geral da República Roberto Gurgel. É contra ele que os mototaxistas vão ter que brigar agora par garantir a existência da profissão. Gurgel impetrou uma Ação Direta de Inconstitucionalidade, alegando que ao legalizar a profissão os Estados se preocuparam mais com o serviço do que com a segurança da população. A classe já se organiza para tentar convencer Gurgel do contrário. Se não conseguirem, a profissão pode acabar em todo o país.



Comentários

.

.