.

.
.

Lula cria novo instituto para projetos também na África e América Latina

Longe de holofotes e à portas fechadas, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, formalizou hoje a criação do Instituto Lula, sua nova plataforma política, que tem como objetivo principal desenvolver projetos de cooperação e desenvolvimento com países da África e da América Latina. A entidade será financiada com recursos privados, mas poderá eventualmente fazer parcerias com entidades públicas no Brasil e no exterior.

A nova associação civil surge no lugar do antigo Instituto Cidadania e terá 38 associados, entre os quais estão dois ministros, Aloizio Mercadante (Ciência e Tecnologia) e Celso Amorim (Defesa), e sete ex-ministros, Franklin Martins, Luiz Dulci, Marcio Thomaz Bastos, Miguel Jorge, Nilcéia Freire, Paulo Vannuchi e Walfrido Mares Guia. Também será colaborador o advogado Roberto Teixeira, amigo de Lula.

De acordo com sua assessoria, Lula abriu a reunião com uma brincadeira: "Se eu tivesse juízo não estaria criando este instituto, iria descansar! Mas fico pensando se é justo parar por aqui ou se devemos levar o acúmulo de experiência que adquirimos para ajudar outros lugares".


Leia Mais Aqui

Comentários

.

.