.

.
.

Cacique encontrado morto na TI Maró, em Santarém

Madeireira dentro da Gleba Nova Olinda, rio Maró.


O cacique Manoel Crisomar Borari, da aldeia de São José 3, localizada na Terra Indígena Maró, foi encontrado morto num igapó de sua aldeia.

O líder indígena estava desaparecido há três dias e sofria constantes ameaças de morte por sua luta contra o avanço de madeireiro ilegais e grileiros naquela região.
 
Segundo João Tapajós, coordenador do Conselho Indígena Tapajós Arapiuns (CITA), agentes da Polícia Federal e peritos do Centro de Perícias Renato Chaves estão indo para o local.

"Os Borari levantam a suspeita de assassinato, uma vez que na TI Maró sempre teve essas ameaças e conflito", diz Tapajós.
 
A Funai já foi informada sobre a morte. A Terra Indígena Maró já passou pelo processo de identificação (reconhecimento da etnia Arapium) e delimitação da área a ser demarcada. A região do Maró, na gleba Nova Olinda, possui milhões em madeira primária. A presença de madeireiros é evidente na região.

O blog já esteve lá lá por diversas vezes.

Comentários

.

.