.

.
.

.

.

.

.

Santarém recebe Festival de Música do Servidor neste domingo

 Agência Pará:

O Festival de Música do Servidor Público do Pará (Servifest) realiza a sua 12ª edição em 2013, começando pela etapa em Santarém, na região do Baixo Amazonas, berço de inúmeras manifestações culturais e de importantes nomes da música paraense. As apresentações vão ocorrer neste domingo (23), a partir das 19h30, na orla do Terminal Fluvial, contando também com o show do rei do carimbó, Pinduca, para animar a festa.

O trabalho do servidor ganha visibilidade no Servifest, que valoriza e revela talentos da música regional, sendo considerado o maior festival do gênero no estado, por marcar presença nos quatro cantos do Pará. Santarém é o município sede que recebe a primeira das etapas regionais classificatórias do 12º Servifest. Servidores públicos estaduais e municipais de todas as cidades da região puderam se inscrever e, dentre as dezenas de canções inscritas, 11 foram selecionadas pelo júri para concorrer nesta etapa classificatória, que levará duas músicas à grande final.

Estão na disputa as canções “Viola Quebrada, de Wander Andrade (Seduc/Santarém); “O Prefeito”, de Guilherme Canto (Susipe/Santarém); “Um Amor para Recordar”, de Ramon de Sousa (Prefeitura de Altamira); “Genitora dos Povos”, de Jonas Silva (Segov/Jurutí); “História em Canção”, de Anthymio Figueira Filho (Seminfra/Santarém); “Novos Rumos”, de Aládio Mourão (Secretaria de Cultura/Santarém); “Carta ao Homem”, de Joedson dos Santos (Semed/Belterra); “Amor Maior”, de Anderson Couto (Prefeitura/Novo Progresso); “A Música Fala por Mim”, de Suane Correa (Semed/Belterra); “Nosso Rio Tapajós”, de Francisco Sousa Brasil (Alepa/Santarém); “O Coração e a Flor” de Veridiano Sampaio (Semed/Jurutí).


Para o compositor e arranjador Wander Andrade, que é servidor da Seduc em Santarém e participa pela segunda vez do Servifest, representar a cultura da região é o mais importante. “No ano passado eu participei do festival e cheguei à final, ficando em quarto lugar com a música ‘Cantigas de Quintais’. Geralmente não temos onde expor a nossa música, então a vitrine passa a ser o Servifest, que mostra o que o servidor faz, além do trabalho no estado”, conta o músico, natural do município de Óbidos.

Já Anderson Couto estreia no festival apostando na música gospel, estilo que escolheu para representar o município de Novo Progresso. “Vi o Servifest como uma oportunidade de mostrar o meu trabalho com a música evangelizadora e acredito que a minha expectativa está mais para o aprendizado que terei ao dividir o palco com outros músicos. Quero aprender com todos os colegas que estarão lá cantando”, disse.

Etapas

De acordo com o regulamento do concurso musical, cada região do estado terá uma etapa classificatória, elegendo dois candidatos, cada, para concorrer na grande final, na qual 12 finalistas vão disputar os prêmios que variam entre R$ 2 mil e R$ 15 mil, além de participar da gravação de CD e DVD do festival.

Depois de Santarém, a próxima etapa classificatória será em Salvaterra, Região do Marajó, no dia 13 de julho, na Praça das Comunicações. O Servifest é uma realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria Especial de Estado do Gestão, Escola de Governo do Estado do Pará, em parceria com a Prefeitura Municipal de Santarém nesta etapa.

 

Texto: Agencia Pará

Daniele Brabo - EGPA

Fone: (91) 3214-6804 / (91) 8282-6815

Email: dani.brabo@gmail.com

Comentários