.

.
.

Santarém pleiteia instalação de fábrica de cimento



O prefeito Alexandre Von participa nesta quinta-feira, 22, na cidade de São Paulo, de reunião com a diretoria e o presidente do Grupo Camargo Corrêa, Luiz Roberto Ortiz Nascimento. Durante a viagem, o gestor santareno irá manifestar apoio irrestrito para recepcionar a instalação da fábrica de cimento, na região Norte do país. Dois municípios estão sendo considerados estratégicos para receber o investimento: Santarém e Manaus.

Durante a reunião, o prefeito mostrará as vantagens, do ponto de vista geográfico e econômico, para a implantação da fábrica de cimento em Santarém. Entre elas: a conclusão das obras de pavimentação da BR-163 até o porto de Santarém, prevista para ocorrer até o final de 2014, a energia abundante disponível a partir do linhão de Tucuruí, a localização estratégica e os investimentos de ampliação do porto, previstos para ocorrer dentro do PAC II, pela Companhia Docas do Pará (CDP) e as reservas de calcário existentes na região oeste do Pará, em municípios vizinhos a Santarém.

O prefeito destacou que há, também, a possibilidade de escoar o produto final para toda a Amazônia – tanto a Oriental quanto a Ocidental – e região Centro-Oeste, com a conclusão da BR-163.

“Daqui de Santarém, no centro da região amazônica, é possível, pela via natural do rio Amazonas, acessar Belém e Manaus ou qualquer outro município ou estado da região e pela BR-163 será possível acessar o Centro-Oeste brasileiro. Sem contar que eventual mina de calcário no município de Monte Alegre também poderá ser atendida pelas obras de pavimentação de 86 km de estrada no trecho Monte Alegre-porto de Santana do Tapará, no município de Santarém”, explica Von.

Acompanham o prefeito, representantes da Câmara de Vereadores, Associação Comercial e Empresarial de Santarém (ACES) e governo do estado do Pará. (CCOM)

Comentários

.

.