.

.
.

.

.

.

.

Tragédia: filho mata pai e irmã sob efeito de drogas

Em O Estado do Tapajós:

Atualização às 14:50:
Iarlei acaba de confessar o crime, segundo informa o Reporter Marcos Santos. Policia define crime como latrocínio porque vários objetos das vitimas foram roubados e encontrados com o acusado de duplo homicídio.

Atualização às 13h00:

Iarlei Cardoso Junior foi preso no final da manhã, em Mojui dos Campos. Ele está sendo ouvido apelo delegado Nelson Silva. Mas a policia avançou muito pouco no interrogatório porque o jovem, de 19 anos, aparenta estar drogado. 

Atualização às 9h00:
No início da manhã de hoje o empresario Valter Carvalho Gomes e sua filha Bruna de Oliveira Gomes, estagiaria do Forum de Santarem, foram assassinados dentro de sua residência, na avenida Fernando Guilhon, bairro do Irurá, em Santarém.
Bruna Oliveira Gomes ( foto: facebook)Bruna Oliveira Gomes ( foto: facebook)
O corpo do empresário foi encontrado na sala, com o braço decepado. O corpo da filha foi achado pela policia no banheiro da casa. Três pessoas teriam praticado o duplo assassianto, utilizando facões.
Além de roubar dinheiro e objetos das vitimas, os assassinos fugiram levando a caminhonete L-200 que estava na garagem da casa.
A esposa de Valter, Auzileide, conhecida por Duda, saiu cedo de casa para levar outra filha escola. Ela suspeita que um filho do empresário com outra mulher,  Iarlei Cardoso Junior, seja o assassino.
Segundo ela, foram encontrados uma bermuda de Junior cama do casal e uma sandália no pátio da casa, deixados na hora da fuga.
A polícia prendeu dois suspeitos de terem participado do duplo homicídio e eles deram pista que Junior fugiu com a caminhonete em direção do município de Mojuí dos Campos, onde um helicóptero da polícia faz buscas.
Valter era empresário dos setor de distribuição de carnes.

Comentários