.

.
.

Juruti recebeu Semana da Arqueologia



Na última semana de outubro, a população de Juruti foi presenteada com a realização da 3ª edição da Semana da Arqueologia, um projeto da Scientia Consultoria Científica e que tem o apoio da Alcoa. Pela primeira vez, a ação foi itinerante.  A equipe percorreu bairros da área urbana e comunidades da zona rural para levar até a população conhecimentos e curiosidades sobre o passado e os povos que habitaram o município.

Um dos principais objetivos da Semana da Arqueologia é manter viva a cultura tradicional de Juruti. “Para isso, a equipe trabalha com várias atividades lúdicas e brincadeiras que demonstram a relação que os costumes de hoje possuem com os hábitos dos povos indígenas que habitaram o município no passado”, relata Lílian Panachuk, coordenadora de projetos da Scientia. Entre as ações realizadas, houve a exibição de filmes de produção regional, mostra de músicas que falam da cultura indígena, jogos educativos voltados para estimular o aprendizado da cultura local, produção de peças de cerâmica, entre outros.


Na área urbana, o evento ocorreu nos bairros Cristo Rei, São Francisco e Perpétuo Socorro. Já na zona rural, a ação foi realizada na comunidade São Pedro. Até o final do mês de novembro, a comunidade São Paulo também deve receber atividades como parte da programação. O evento contou com a participação de cerca de 350 pessoas entre crianças, jovens e adultos. “No final do ano, pretendemos realizar uma grande gincana para testar o conhecimento das crianças sobre o tema”, ressalta João Melo, que faz parte da equipe da Scientia que fica em Juruti.

Resgate – O trabalho de resgate arqueológico em Juruti aconteceu antes da implantação da mina de bauxita da Alcoa e fez parte do processo de licenciamento ambiental. Na ocasião, dois sítios localizados na área do Porto da unidade da companhia no município passaram por um minucioso trabalho de resgate, revelando informações até então desconhecidas a respeito das populações que viviam no local. O trabalho está dentro dos Planos de Controle Ambiental da Alcoa e visa garantir a preservação do patrimônio arqueológico regional, protegido pela Constituição Federal, bem como resgatar e valorizar o patrimônio cultural da localidade.

Ascom Temple

Comentários

.

.