.

.
.

Novo Comando do 8º BEC recebe obra inacabada na BR-163

Codelo (`dir.) deixa herança maldita a Menezes: 8º BEC.


O novo comandante do 8º Batalhão de Engenharia de Construção (8º BEC), em Santarém, já terá um pepino para responder pela frente: o porquê da não conclusão da pavimentação da BR-163 em seu trecho urbano.

O dinheiro necessário à conclusão da obra já teria sido liberado por completo pelo Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (DNIT), mas o perímetro entre o viaduto e a Paulo Maranhão não foi totalmente recapeado. Uma imperfeição gigantesca na pista foi a herança deixada pelo serviço inacabado. Outrossim, nenhuma placa com o valor e identificação oficial do trecho a ser trabalhado foi fixada pela unidade do Exército.

Ontem, ocorreu a solenidade de troca de comando. Saiu o Tenente Coronel Sérgio Henrique Codelo Nascimento que deu lugar ao Tenente Coronel da Arma de Engenharia Cláudio José dos Santos Menezes.

Menezes terá que informar sobre a não conclusão da obra.

O comando do 8º BEC é um dos mais cobiçado de todo o país. O comandante permanece por apenas dois anos.

Antes, o comando estava subordinado ao Comando Militar da Amazônia (CMA), com sede em Manaus. Desde o ano passado, o 8º BEC está subordinado ao Comando Militar do Norte (CMN) criado pela Portaria 142, de 13 de março de 2013.

Comentários

Anônimo disse…
Sr Editor......vc estava realmente muito mal informado quando escreveu essas bobagens......essa obra nao eh do 8 BEC desde 2013. O DNIT passou o contrato para a empresa CCM.
Se informe antes, pois isos nao eh jornalismo.
SELVA.

.

.