.

.
.

.

.

.

.

Maria do Carmo engatilha aposentadoria

Maria do Carmo: tempo de serviço.
Para a alegria de uns e o desespero de outros, as águas do rio Tapajós não descem na mesma proporção que o fez no ano passado. A frente da cidade continua inundada e a ilha de Alter do Chão com poucas barracas para o turista aproveitar.

Enquanto isso, a promotora de justiça Maria do Carmo Martins Lima solicitou junto ao Ministério Público do Estado a recontagem do seu tempo de trabalho para encontrar o dia certo de sua aposentadoria. O órgão ministerial lhe dará a reposta em algumas semanas.

O mês de outubro é o auge da descida das águas do rio Tapajós. Os visitantes e turistas que apreciam as praias da região esperam que elas apareçam ha tempo.

Comentários