.

.
.

Amazonino e Eduardo Braga disputam governo do Amazonas no dia 27 de agosto

Amazonino e Eduardo Braga: segundo turno. 
(A Crítica) Com os dados da apuração praticamente totalizados até a noite deste domingo (6), o eleitor amazonense já sabe que volta às urnas no dia 27 de agosto para definir entre Amazonino Mendes e Eduardo Braga. O vencedor comandará o Amazonas até o fim de 2018.

E como os prazos são mais curtos, a campanha já recomeça a todos vapor nesta segunda-feira (7). Conforme a Resolução nº 07/2017, que fixa o calendário eleitoral, bem como instruções para o pleito tampão, já é permitida a propaganda para o segundo turno nas ruas. já a propaganda de Rádio e TV terão o período de 12 a 25 de agosto para serem veiculadas.

O tempo de TV e Rádio para os dois candidatos será calculado como no primeiro turno, somando o quantitativo de representação dos partidos que fazem parte da coligação.

Quanto à fiscalização, o diretor-geral do Tribunal Regional Eleitoral, Messias Andrade, afirmou que o trabalho continua. "Na verdade ninguém dorme, a gente continua a fiscalização todos os dias. Inclusive como a Polícia Federal trouxe mais agentes para Manaus, vamos estar com algumas ações bem pontuais em toda a capital, principalmente porque estamos falando de, praticamente, 55% de todo o eleitorado do Estado", disse Andrade.

O coordenador-geral da comissão de apoio aos juízes da propaganda eleitoral, Fued Semen, foi um primeiro turno “muito calmo”. "Algumas atuações pontuais como carro de som, bandeiras afixadas nos veículos, carros de som sem a documentação da licença ambiental e contrato da prestação de serviços para o candidato", contou. Espera-se, ainda, que o dia 27 repita a tranquilidade.


“Inclusive a questão da propaganda no Rádio e na Televisão, que se mantenha na divulgação de propostas, de debates e não ‘descambe’ para o lado de ofensas, de acusações”, apontou o coordenador-geral.

Comentários

.

.