.

.
.

.

.

.

.

Proibição não pode ser radical

O vereador Gerlande Castro (PP) lidera um movimento que é contrário à proibição total da circulação de carros-som no Centro Comercial de Santarém. A restrição é defendida pelo secretário de Meio Ambiente, Marcelo Correa.

Para Gerlande, o que tem de ser feito é uma regulamentação do serviço, pois muitos empregos estão em jogo. Ele deve apresentar projeto de lei na Câmara Municipal nesse sentido. O parlamentar defende o diálogo e acha a proibição total bastante radical.

“Ele quer radicalizar”, afirma, referindo-se ao secretário.

Comentários