.

.
.

Polícia indicia três médicos por cesárea sem bebê em estudante do Pará

Do O Globo:


A polícia indiciou três médicos que atenderam a estudante Lana Carla da Silva Pimenta, de 22 anos, submetida a uma cesárea sem que tivesse um bebê em seu útero em Belém, no Pará, em abril passado. A ginecologista Ana Maria de Souza Oliveira, o obstetra José Maria Negrão Guimarães e o clínico Raimundo de Góes e Castro Neto vão responder por negligência, lesão corporal e inobservância de regras técnicas, com base no artigo 129, parágrafo sétimo do Código Penal Brasileiro.

Segundo a delegada Mara Cristina dos Santos, Lana não teve gravidez psicológica e esteve grávida, pois há exames que comprovam que a gestação prosseguiu até a 26ª semana, mas o bebê não sumiu na hora do parto, porque todos os exames feitos após a cesárea mostram que o útero não estava em estado puerperal, ou seja, em estado pós-parto.

Leia Mais Aqui

Comentários

.

.