.

.
.

STF abre inquérito para investigar Eduardo Braga


Eduardo Braga, AM: investigado.
O Supremo Tribunal Federal abriu inquérito na última quarta-feira (20) para apurar denúncia contra o senador Eduardo Braga (PMDB-AM), líder do governo no Senado, por desvio de verbas públicas no período em que foi governador do Amazonas, entre 2003 e 2010. O despacho foi assinado pelo ministro Gilmar Mendes em 14 de março.

De acordo com a Procuradoria-Geral da República, o senador é suspeito de peculato, formação de quadrilha e fraude em licitação por causa da desapropriação de um terreno. O espaço foi comprado por uma empresa em 2003 pelo valor de R$ 400 mil, mas meses depois a área foi desapropriada pelo governo amazonense para a construção de casas populares. O governo concedeu à mesma empresa uma indenização de R$ 13,1 milhões. Segundo os documentos, uma parte do valor era para o terreno e a outra, para as benfeitorias de urbanização. No entanto, a investigação aponta que as benfeitorias não foram feitas. 

Como era o governador, Eduardo Braga assinou a nota desapropriação. Segundo o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, “verifica-se que há indícios que apontam que o senhor Eduardo Braga teria contribuído para o desvio de vultuosa quantia dos cofres do estado do Amazonas”.
 
 
Leia Mais Aqui

Comentários

.

.