.

.
.

Dayan Serique pede a criação de um Fundo Municipal para o Esporte

Dayan Serique vai acompanhar tramitação da criação do Bolsa Talento.
O vereador Dayan Serique (PPS), participou na manhã de hoje, 25, de uma reunião com outros vereadores, o atleta Valter Lima, e o titular da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Laser (Semjel), Erasmo Maia. O objetivo foi discutir e ouvir esclarecimentos sobre as readequações administrativas que estão sendo realizadas pela Semjel a respeito da subvenção esportiva denominada de ‘Bolsa Atleta’.

Na oportunidade, Dayan Serique solicitou a criação de um Fundo Municipal para o incentivo ao esporte e questionou sobre demandas apresentadas por alguns atletas que estavam sendo beneficiados pela bolsa, mas que perderam o subsídio. O secretário informou que o Bolsa Atleta é uma subvenção antes disponibilizada para 21 atletas santarenos de diferentes esportes. No entanto, a metodologia de repasse do subsídio financeiro aos atletas vinha ocorrendo de forma errônea, o que poderia configurar até crime de improbidade administrativa.

“O Bolsa Atleta não existia. Não havia instrumento legal. O atleta recebia um salário como professor, mesmo não sendo. E tinha de participar de competições sem prestar contas. O que nós estamos fazendo e criar um instrumento legal. Já está em tramitação na Câmara Municipal o Bolsa Talento, que é o nome que vamos passar a chamar. Será regulamentado e criado todo um processo de adequação para listarmos esses atletas e realizarmos o repasse do benefício”, explicou Erasmo. “Queremos que exista um instrumento legal, a lei nesse caso, para que não possamos ser acusados até de improbidade administrativa”, acrescentou o secretário.

O vereador Dayan Serique, que é grande incentivador dos eventos esportivos realizados em Santarém, disse que a minuta do projeto mencionado por Erasmo Maia está tramitando na Procuradora Jurídica do legislativo municipal. O parlamentar disse ainda que vai trabalhar para que a tramitação do projeto de lei que vai regulamentar o Bolsa Talento seja realizado o mais rápido possível, com o objetivo de favorecer os atletas que dependem desse benefício para treinar e consequentemente participar de competições.

“Sabemos da importância e da preocupação do secretário em trabalhar dentro da lei e de forma transparente por isso participamos dessa reunião. Vamos trabalhar no sentido de agilizar a aprovação desse projeto de lei para que nossos atletas não sejam prejudicados. Sabemos ainda que por trás de toda conquista existe muito treinamento e muita dedicação desses atletas. Daí, a importância do Bolsa Talento que será criado. Vamos acompanhar de perto esse processo para que ninguém saia perdendo e para que a lei também seja respeitada”, declarou Dayan Serique.

Comentários

.

.